ABIQ
Notícias

Notícias > Mercado Internacional de Lácteos

A Fonterra aumentará o preço ao produtor
03/03/2017

Modesta elevação na previsão do preço do leite ao produtor pela Fonterra na temporada 2016/17 é provável, avalia o Herald, apesar da queda de 3,2% no último Índice GDT. A queda contou com a redução de 3,7% no preço do principal produto negociado, o leite em pó integral (WMP), que foi cotado a US$ 3.189/tonelada.

O preço do WMP acima de US$ 3.000/tonelada é positivo para os agricultores, e representa US$ 1.000/toneladas a mais em relação à cotação de um ano atrás, nesta mesma época. O leilão acompanhou o anúncio da Fonterra feito na última semana, dizendo que colocaria mais produtos à venda na plataforma GDT depois de revisar as previsões de queda da produção de leite na atual temporada para 5% em decorrência de problemas climáticos. Preliminarmente a queda prevista era de 7% em relação ao ano passado. Como a temporada se aproxima do fim, houve pouca alteração no leilão para mudar as projeções da Fonterra de elevar para NZ$ 6,25/kgMS o preço do leite, dos atuais NZ$ 6,00/kgMS. A concorrente da Fontera na Ilha Sul, Synlait Milk, já elevou o preço para NZ$ 6,25/kgMS. “O atual movimento do mercado e fatores sazonais levam à previsão de mais oscilações, mas, nada indica que o WMP caia a menos de US$ 3.000/tonelada”, disse o economista do ANZ, Con Williams. O ANZ avalia que a Fonterra irá elevar para NZ$ 6,25/kgMS o preço do leite, assim como muitos outros bancos. A analista do AgriHQ, Susan Kilsby, disse que os mercados, enfim, estão equilibrados. “muitos compradores observam que a produção de leite da Nova Zelândia começa a melhorar, depois da fraca primavera”, disse Kilsby. “No entanto, os mercados estão equilibrados, e não será preciso muito esforço para mantê-lo assim, com gestão na oferta”. O outro produto de maior importância, o leite em pó desnatado (SMP) caiu 3,8%, fechando com a média de US$ 2.574/tonelada. Eric Meyer, presidente da consultoria de gestão de riscos HighGroundDairy em Chicago, disse que houve uma “desconexão” entre os preços da Fonterra no GDT, e os da União Europeia (UE) e dos Estados Unidos (EUA), onde os preços do WMP e SMP estavam bem abaixo. “Continuamos a ver os preços do SMP na UE e EUA despencarem, enquanto os preços Fonterra (GDT) estão firmes”, disse Meyer. “Penso que existe um potencial para grandes diferentes entre o Hemisfério Norte e os preços comercializados através do GDT”, acrescentou. “Parece que a demanda asiática está boa o suficiente e disposta a pagar essse preço premium pela qualidade”. Kilsby do AgriHQ concordou. “Apesar do fraco resultado na noite, os fundamentos do mercado continuam favoráveis aos produtos da Oceania, durante o dia”, disse Kilsby. “Vimos essa queda mais como uma reação do mercado às mudanças na previsão de produção do leite pela Fonterra, do que o início de alguma coisa mais séria”.

Fonte: Terraviva.com.br/site

Voltar

Veja também:
 
  Commodities Agrícolas
 
  Diversos
 
Mercado Internacional de Lácteos
 
  Mercado Nacional de Lácteos
 
  Pesquisas de Mercado
 
  Varejo Internacional
 
  Varejo Nacional
 

Endereço: Praça Dom José Gaspar n° 30 - 10° Andar - Centro - São Paulo - SP
Tel/Fax: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348 - Desenvolvimento: Interpágina