Notícias

Kraft internacional alerta que preço diminui consumo

06, agosto, 2007

A Kraft alertou na sexta-feira que uma queda no consumo de leite, provocado pela alta dos preços, está levando as pessoas a consumirem menos laticínios.

A Kraft alertou na sexta-feira que uma queda no consumo de leite, provocado pela alta dos preços, está levando as pessoas a consumirem menos laticínios. Irene Rosenfeld, diretora-presidente da companhia, disse que “2007 caminha para registrar os maiores preços médios dos laticínios de todos os tempos. O alto custo do leite começa a reduzir o consumo”. O queijo responde por cerca de metade dos produtos lácteos consumidos nos Estados Unidos, segundo a Federação Nacional dos Produtores de Leite. Somente 30% é consumido na forma de leite líquido. A Kraft já aumentou os preços de seus queijos em 5% a 12% este ano, para tentar compensar a queda das vendas e o aumento dos custos das matérias-primas. Rosenfeld disse que “uma tempestade perfeita” se desenvolveu no mercado de laticínios, e que o aumento dos preços das rações animais, uma seca na Austrália e a maior demanda na Ásia e África se combinaram para elevar o produto do leite puro e do leite em pó. A Cadbury Schweppes, o grupo de secos e molhados do Reino Unido, também se queixou, na sexta-feira, da alta dos preços dos laticínios, estimando que seus custos aumentarão em cerca de 20 milhões de libras (US$ 40,6 milhões) no segundo semestre. Enquanto isso, a rede americana Starbucks disse na semana passada que a alta dos preços do leite contribuiu para sua decisão de aumentar em cerca de US$ 0,09 os preços dos cafés e bebidas geladas. O preço da ação da Kraft chegou a cair US$ 0,11 em Nova York na sexta feira, para US$ 32,64, depois de anunciar queda de 2% no lucro líquido do segundo trimestre.
Fonte: Selectus 2801, 06/08/2007,Valor Econômico

Voltar

ABIQ Associação Brasileira das Industrias de Queijo

Praça Dom José Gaspar, Nº 30, 10º andar
01047-901 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348